Egresso do curso de C&T é aprovado no programa ProLíder

Escrito por: Francisca Pires | Publicado em: 13 de julho de 2020

Johnatan Highlander, bacharel em Ciências e Tecnologia e atualmente cursando Engenharia  Mecânica, é bolsista de apoio administrativo da Incubadora de Processos Acadêmicos, Científicos, Tecnológicos e Aplicados (inPACTA) da Escola de Ciências e Tecnologia. O graduando compõe uma porcentagem de menos de 1% de aprovados no programa que contou com a participação de  9.357  jovens. Hoje, o estudante participa e é líder de alguns projetos que já impactam a sociedade através da educação e inovação. 

“Meu primeiro contato com o programa ProLíder foi em 2017, quando dois ex-alunos do curso de C&T: Arthur Queiroz e Weverton Apolinário, me convidaram para divulgar o programa aqui em Natal” conta o estudante. Segundo ele, esse momento foi o pontapé inicial para conhecer o programa e ver que os valores e  ideais dele sintonizavam muito com os seus. O jovem conta que, no ano seguinte, esse seu amigo Arthur Queiroz participou da seleção e foi aprovado ainda enquanto aluno de C&T.  Incentivado por esse fato e percebendo que seu perfil se encaixava com o desejado pelo programa, Johnatan resolve participar da seleção. 

(Fonte: Acervo pessoal)

“Coloquei como meta de 2020, usar meu conhecimento de vida: profissional, acadêmico e pessoal, alinhado ao meu propósito e acredito que o programa será um link importante para meus objetivos futuro” comemora o estudante.

Johnatan conta que os valores do Prolíder e do Instituto Four são: protagonismo, integridade e orientação a resultados, diversidade e meritocracia. A seleção, por sua vez, gira em torno dos seguintes critérios:

  • Compatibilidade com os valores do ProLíder e do Instituto Four;
  • Vontade de contribuir, de maneira concreta, para sociedade Brasileira
  • Espírito empreendedor(garra, resiliência e sonho grande);
  • Foco na criação de negócios transformadores;
  • Comprometimento: disciplina, empenho, esforço para resultados e responsabilidade.

Questionado sobre as dificuldades de inovar no Brasil, Johnatan afirma que a grande dificuldade no país é implementar o pensamento e cultura nas pessoas, realizar mudanças e assim tornar-se protagonistas. No Nordeste, ele destaca  o fato de que o corporativo não leva o fator de inovação como algo de mudança, adaptação e melhoria como um processo contínuo. “Ao meu ver a única coisa fixa na vida é a mudança! Como eles podem fazer isso? Através de um comitê de inovação dentro das empresas – chamados head de inovação, iniciativas como Hackathons, integrar todos os setores da empresa, usar o Lean startups e muitos outras iniciativas que hoje ainda não são tidas como investimento.” afirma.

(Fonte: Acervo pessoal)

Para ele, poder atuar na InPACTA foi uma grande oportunidade na sua trajetória acadêmica – durante o curso de Ciências e Tecnologia -, e profissional, através de diversas conquistas ainda como estudante da Engenharia Mecânica. “Entrei na  inPACTA em outubro de 2017, foi aí que minha cabeça começou a ferver sobre inovação, mercado, modelos de negócio. Lá eu consegui colocar minha criatividade e a pouca experiência que tive em prática” relata. Atualmente, Johnatan está na terceira gestão da incubadora em conjunto com a Professora Herculana Torres dos Santos e afirma que o contato, promovido pela incubadora, com grandes players do mercado, alunos de C&T e com o mestrado de  Inovação são muito importantes para o seu constante aprendizado. 

Para saber mais sobre a inPACTA, acesse:

https://inpacta.ect.ufrn.br/

“Hoje posso falar que um dos meus maiores conhecimentos de como a ciência se aplica no mercado- através da “Ciência empreendedora” -foram adquiridos lá dentro do anexo da rua monte Sinai” afirma o jovem.

Além de atuar na inPACTA, Johnatan Highlander estagia como gestor de projetos de uma agência e também é líder de duas iniciativas educativas: URA E SCHOLAE 3.0. Desempenha atividades como community leader da comunidade de empreendedorismo do RN e, mesmo parecendo muitas funções, ele conta que  ainda tem algumas ideias que, segundo ele, serão colocadas em prática em breve.

(Fonte: Acervo pessoal)

“Tenho como próximos passos, seguir o meu propósito, aproveitando meu momento de vida atual, usufruir da metodologia baseada nas melhores universidade do mundo para colocar tudo que tenho em mente em prática, debater sobre problemas do brasil com as principais lideranças do país e  aplicar o conhecimento adquirido no projeto que vou tocar durante o programa” finaliza.

Sobre o programa ProLíder

O ProLíder é o programa gratuito de formação de lideranças realizado pelo Instituto Four e o resultado de sua última seleção foi divulgado no último dia 4 deste mês. A iniciativa consiste em discutir o cenário atual brasileiro, junto a grandes referências, com o objetivo de criar, em conjunto com os jovens, negócios de transformação que contribuam para o desenvolvimento do Brasil. 

Para saber mais acesse:

https://www.programaprolider.com.br/


PROGRAD abre inscrições para Reingresso de 2º Ciclo no Semestre 2022.2

Começa na próxima segunda-feira, 16, as inscrições para o processo de Reingresso nos cursos de 2º Ciclo da UFRN para o semestre 2022.1. Os interessados devem se inscrever até as 23h59 do dia 30 de maio, exclusivamente pela Plataforma SECACA da Secretaria Acadêmica da Escola de Ciências e Tecnologia (secacademica.ect.ufrn.br). Ao todo, são disponibilizadas 320 […]

ECT promove 4º Aulão de Cálculo I

Acontece neste sábado, dia 14 de maio, o quarto aulão de Cálculo I, sobre Limites e Derivadas, no auditório F da Escola de Ciências e Tecnologia, de 8h55 até 12h30. Ministrada pela professora Simone Batista, a atividade tem por objetivo ajudar, através da revisão de conteúdos dados na disciplina, alunos e alunas do curso de […]

ECT oferta bolsa de apoio técnico no Laboratório de Eletrotécnica

O Laboratório de Eletrotécnica está oferecendo uma bolsa de apoio técnico para alunos dos cursos de Engenharia ou Ciências e Tecnologia, para atuar junto aos técnicos de laboratório do setor. O discente que tiver interesse em se inscrever, deve enviar currículo e histórico para o email alexandremagnus@ect.ufrn.br até o dia 16 de maio. O bolsista […]