Mestrado Profissional de Física promove aula inaugural com coordenadora nacional do programa

O Programa Nacional de Mestrado Profissional em Ensino de Física e o ensino da disciplina no Brasil foram temas da palestra.

Escrito por: Camila Pinto | Publicado em: 2 de maio de 2022

Aconteceu na última sexta-feira, 29, a aula inaugural do Mestrado Profissional em Ensino de Física (MNPEF), na Escola de Ciências e Tecnologia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. O evento foi mediado pelo professor Alexsandro Lima, coordenador do programa de mestrado na UFRN e teve como palestrante, a professora Dra. Iramaia Jorge Cabral de Paulo, da UFMT, Coordenadora Nacional do MNPEF, via Google Meet. Além dos docentes, estavam presentes na aula os alunos ingressantes do curso em 2022 e também alguns estudantes da turma de 2020, estes de forma online.

Alexsandro Lima, coordenador do MNPEF Pólo 51 – ECT/UFRN, mediando a aula inaugural online, com a professora Iramaia. Foto: José Vinícius.

Tendo como foco de sua apresentação a discussão do panorama do ensino de Física no Brasil e a proposta do MNPEF, a professora Iramaia enfatizou o papel central do professor no ensino de Física e a importância da pós-graduação para a formação destes profissionais para atuarem na sala de aula. Para ela, o mestrado e o doutorado têm que “empoderar” o professor. “O que eu vejo é que a maioria dos professores não se sentem empoderados, eles não sentem que são os verdadeiros protagonistas. Nós precisamos entender que nós somos sim a grande força poderosa transformadora do currículo, porque somos nós que fechamos a porta e estamos lá com os nossos alunos. Nós precisamos recuperar esse nosso empoderamento. A gente precisa entender quão potente é o nosso papel”, explica a professora.

 Diretor da ECT, professor Douglas do Nascimento Silva dá boas-vindas à turma de 2022. Foto: José Vinícius

Após a apresentação da coordenadora, houve ainda um momento de recepção aos novos alunos pro mestrado, com uma breve fala de boas-vindas do professor Douglas do Nascimento Silva, Diretor da ECT. Além dele, Alexandre Amaral Cardoso de Araújo, egresso do curso e professor da rede estadual e da UFRN, compartilhou a sua experiência enquanto aluno do mestrado profissional de Física. Por fim, ocorreu a apresentação dos docentes do curso e um encerramento com cofeebreak.

 


Disponibilizado edital para eleição de representação estudantil para os conselhos deliberativos da ECT

Foi publicado hoje, 24, edital com as normas internas para eleição dos representantes estudantis para os conselhos deliberativos da Escola de Ciências e Tecnologia. São quatro vagas para os titulares e seus respectivos suplentes no Conselho da Escola de Ciências e Tecnologia (CONECT), entre os alunos de cursos da graduação e pós-graduação vinculados à ECT. […]

Serviço de Psicologia Escolar e Educacional da ECT está de sala nova

Tomar decisões quanto ao caminho profissional que deseja seguir, organizar uma rotina de estudos entre outras habilidades necessárias aos estudantes, principalmente da graduação, pode não ser uma tarefa tão fácil a princípio. Nesse sentido, o Serviço de Psicologia Escolar e Educacional da Escola de Ciências e Tecnologia (SPEE/ECT), atua nessas demandas, auxiliando os alunos no […]